Para Você

CURSO GESTÃO DO DEPARTAMENTO PESSOAL E LEGISLAÇÃO TRABALHISTA – O QUE FAZER PARA EVITAR MULTAS

Imagem do curso CURSO GESTÃO DO DEPARTAMENTO PESSOAL E LEGISLAÇÃO TRABALHISTA – O QUE FAZER PARA EVITAR MULTAS

CURSO GESTÃO DO DEPARTAMENTO PESSOAL E LEGISLAÇÃO TRABALHISTA – O QUE FAZER PARA EVITAR MULTAS

  • Rua Padre Felix Barreto, 79, térreo, Mauricio de Nassau, Caruaru – PE, Cep: 55012-370.

  • 12 e 13/06/2024

  • Dia 12: 08h-17h e dia 13: 08h-12h

  • 12 horas

  • Profissionais da área de departamento pessoal como Gerentes, Coordenadores, Supervisores e Analistas, Pleno, Sênior, Assistentes, e ou Profissionais que estejam se preparando para assumir novos desafios na função, ou ainda aprimorar a capacitação profissional. Profissionais Liberais e Autônomos que atuem na área de departamento pessoal.

OBJETIVO

O curso tem como principal objetivo apresentar técnicas para implementar uma gestão do departamento pessoal eficiente e estratégica, evitando passivos trabalhistas, autuações e/ou multas.

  • Maior conhecimento da legislação trabalhista;
  • Ajudar a empresa a ter bons resultados e evitar prejuízos;
  • Gestão de atividades no Departamento Pessoal da maneira mais objetiva e eficaz para a organização;
  • Aplicar as melhores práticas relacionadas aos aspectos legais e trabalhistas na administração de pessoas.
  1. Legislação e Cálculos Trabalhistas;
  2. Gestão de Folha de Pagamento;
  3. Gestão de Férias e Rescisões;
  4. Gestão de eSocial;
  5. Gestão de Instrumentos Coletivos;
  6. Negociação Coletiva;
  7. Comissão de Empregados;
  8. Gestão de Custos dos empregados;
  9. Gestão de Afastamentos.

Os cursos privilegiam a troca de experiências e o debate entre os instrutores e participantes promovendo maior interação, integração e dinamicidade.

Certificado digital com autenticação (Para obter o certificado o participante deverá cumprir no mínimo, 75% da carga horária total do treinamento).

Selecione uma das opções e faça sua inscrição


    Os descontos concedidos a estudantes, idosos e colaboradores das indústrias contribuintes ou sindicalizadas serão validados após a comprovação da documentação. Caso não seja comprovada a condição, será necessário o pagamento do valor da diferença para o preço cheio, que poderá ser feito por boleto ou transferência bancária.








      Funcionário

      Preencha os dados do seu funcionário







      Cadastro realizado!

      O IEL usa cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. De acordo com nossa Política de Privacidade, ao continuar navegando, você concorda com essas condições. Saiba mais.